Quando robôs ousam pensar como investidores e atores humanos nos mercados

As redes neurais artificiais, que ousam pensar como investidores e atores humanos nos mercados, evoluem cada vez mais para as camadas mais estratégicas de decisão, que envolvem não apenas o cérebro, mas nossa mente. Dessa forma, é possível construir estruturas de Big Data e internet das coisas (IoT) de percepção e reação em tempo real para os mais diversos movimentos de mercado. Ou ainda, como o ser humano, projetar mundos ou mercados internos com cenários futuros cada vez mais precisos, de forma muito similar ou até mesmo superior aos dos mais experientes investidores, simulando e validando a visão estratégica com simulação de cérebro e mente, com avançadas tecnologias de hardware e software.

Anúncios

2 comentários em “Quando robôs ousam pensar como investidores e atores humanos nos mercados

    1. Oi Leandro, isso em tese, pois não podemos esquecer que os programas dos robôs ainda são escritos ou definidos em sua maioria por pessoas, sujeitas a emoções no momento da codificação ou escolha de estratégias.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s